quinta-feira, 23 de abril de 2015

Coração Livre

O teu amor destruiu-me
e quase me matou.
Mas o teu desamor fez ainda melhor,
Libertou-me.

Katya Figueiredo

Sem comentários:

Enviar um comentário